All The Way To Venus: a mistura rock entre Brasil e Portugal
15/11/2017 - 18h02 em Música

Dois amigos do Rio de Janeiro resolvem se mudar para Lisboa em busca de uma nova vida, esta amizade que sempre teve uma relação muito forte com o Rock fez com que ambos criassem um novo trabalho com características marcantes. Os cariocas Luiz Alberto e Marcelo Caldas se juntaram aos portugueses David Lopes e Ricardo Antunes e fundaram a banda de rock instrumental All the Way to Venus, um som que por uma auto definição é um post rock onde leva o ouvinte a experimentações melodicas que viajam juntas a uma extrema leveza e sintonia. 

 

Suas músicas foram totalmente produzidas em casa, mixadas e masterizadas nos estúdios Black Dog Audio, em Helsinki, na Finlândia. Em todas as faixas vemos a preocupação em promover mudanças, criando atmosferas onde as melodias sejam reconhecidas. Não tem como se sentir indeferente ao o som deles, toda um contexto é criado para integrar o ouvinte, levando uma sensação de paz e tensão misturadas. 

 

 

 

The Edge” foi o single de estreia, tem uma estrutura que, num crescendo, convida o ouvinte ao acompanhar, como se numa viagem, com clímax e paradas. O segundo, “Thank You and Goodnight”, é quase tão visual que não se consegue imaginar outro videoclipe para ele que não o que foi lançado. Forte, pesado. Ainda há “Adelia”, primeira música da banda, batizada assim em homenagem ao café no bairro lisboeta de Arroios onde eles costumavam se encontrar antes dos ensaios. Por fim, tem-se “Dogs are Made of Diamonds”, uma progressão de quase nove minutos de sequências e uma montanha russa de dinâmicas, com a “participação” especial de David Bowie em alguns “vocais”. 

 

 

All the Way to Venus está baseada em Lisboa e pretende começar a fixar seu nome no panteão do rock instrumental português e quem sabe no futuro o mundial. Seu som instrumental não se limita a nenhuma barreira linguística, pessoas do mundo inteiro podem ser conduzidas aos seus toques melodicos e a leveza de seus instrumentos. 

A esquerda David Lopes (guitarras e teclados); Ao centro em pé Marcelo Caldas (baixo); sentado Ricardo Antunes (bateria); a direita Luiz Alberto Moura (guitarras e teclados)

 

 

All the Way to Venus em breve fará parte de nossa programação.

 

 

Salvar

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!